Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (7) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (5) Crisma (1) Dia das Mães (4) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (1) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (3) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

30 abril, 2017

"Ela parece um anjo"- Diário de catequese- Especial Dia das Mães



Começamos a montar as lembrancinhas para o dia das mães. Sem essa de catequista confeccionando as lembrancinhas para as mães.  São as crianças que estão preparando tudo. Faremos duas lembrancinhas: uma é um cartão com o desenho da mãe  (Clique aqui) e o outro é um leque de flores. 

Mas antes de começar a fazer as lembrancinhas, pedi para que escrevessem num papel uma característica da mãe deles, como amorosa e inteligente. Então, a maioria das crianças escolheu amorosa ou inteligente. Aprendi que da próxima vez preciso falar mais opções! Eles têm de 10 a 11 anos. É melhor até fazer uma lista de características de uma mãe para que eles possam pensar em suas mães e escolherem o que se parece com elas. Duas características que chamaram atenção. Uma criança escreveu simplesmente  trabalha muito". Será que esta criança ver isto como uma qualidade ou é uma sinalização de queixa? 

E a outra característica parece poesia de tão bonita.







E igualmente fofos foram os desenhos que fizeram das mães!



Próximo sábado iremos colar o desenho na cartolina para montar o cartão.




27 abril, 2017

Diário de Catequese: Bíblia e sementes de girassol

"A palavra de Deus é como a chuva que molha"  (Is. 55,10s.).





Queria uma atividade para o encontro sobre a Bíblia que não fosse exercícios e dever. O encontro sobre Bíblia geralmente é um encontro muito teórico: o que é  Bíblia/ Quem escreveu/ Partes da Bíblia/ Livros etc.  E acredito que para um primeiro encontro de catequese sobre Bíblia, podemos ir com calma e não despejar um monte de conteúdo e siglas de livros. Vamos ajudar os catequizandos a entenderem a importância da Bíblia, o que este livro sagrado representa na nossa vida.

"A palavra de Deus é como a chuva que molha "(Is. 55,10s.) Ano passado descobri este versículo quando estava lendo um planejamento num livro de Catequese. É a comparação perfeita e tão simples para as crianças compreenderam que a Palavra de Deus deve produzir frutos na nossa vida. Não é só para ler a Palavra, é para deixar que transforme a nossa vida.

Então, como gosto de plantas, resolvi colocar em prática a atividade de plantar sementes de girassol. Tinha visto esta ideia como sugestão do encontro sobre a Páscoa. Plantar  sementes representaria o compromisso dos catequizandos de dar vida nova ao irmão.  Então usei a atividade mas para falar sobre a Palavra de Deus. Escolhi a Parábola do Semeador (Mateus 13:1-9). Depois de lermos, pedi para um catequizando ler de novo o versículo "O semeador saiu a semear" , e enquanto isso eu ia entregando as sementes. Depois comparamos a terra com o nosso coração; a semente com a palavra de Deus. Entreguei um papel de etiqueta para escreverem o nome que eles dariam para o girassol. Orientei para que escrevessem algo que eles queriam muito para suas famílias, como amor, esperança, alegria, paz. 







Eu comprei terra vegetal ( que já vem misturada com adubo.) por 7 reais e vem 5kg.
Comprei as sementes de girassol que vem num saquinho com uma foto bem bonita de um girassol (umas 15 sementes). Mas descobri que se for para comprar em grande quantidade é melhor comprar na casa que vende ração para animais. Essas sementes que servem de comida para pássaros são muito mais em conta. Não sei ainda se as sementes selecionadas para o plantio são melhores que as que servem de comida para pássaros. Vou saber quando as sementes brotarem. 

Peguei umas dicas em blogs de escola sobre a plantar as sementes de girassol com as crianças. 
-Peça para as crianças levarem garrafas vazias de refrigerante para plantar as sementes.
-Depois, será necessário que em casa os pais mudem a semente para um vaso maior. 
-A garrafa cortada ao meio pode ser decorada pelas crianças antes de receberem as sementes.

Quando as sementes germinarem e os girassóis crescerem, iremos levar para a Igreja  e fazer um encontro de catequese colorido de Girassóis.


Obrigada. 
Cris Menezes
Catequista
Brasília-DF

25 abril, 2017

Passo "ver" do método ver-julgar-agir + atividades- Abraão



Começamos o encontro com o passo "ver" do método ver-julgar-agir. Neste passo, é preciso olhar a realidade antes de introduzir o tema. Numa turma de adultos, já resgatei o "ver" com a crise dos refugiados. Na catequese infantil,  o ideal é que o ver parta da realidade  famíliar deles. 

1) Conversar sobre a família- Perguntar: "Quantas pessoas moram na sua casa? Sua família é grande? Você conhece alguém que tem muitos irmãos? Antigamente as famílias tinham mais filhos que hoje. Muitos anos antes de Cristo, todo casal devia ter filhos, especialmente filhos homens. Hoje vamos conhecer Abraão e Sara. Esse casal não tinha filhos e um dia Deus prometeu que Abraão seria Pai de uma grande nação. Seria tão grande como as estrelas no céu e os grãos de areia na praia, isto é seria muito difícil de contar."


 2) Painel de Fotos
Vamos montar um painel de fotos da família dos catequizandos. Como fazer? Colocar um painel em branco. Cada catequizando irá apresentar sua família e colar a foto no painel. O catequista irá escrever uma legenda para a foto. (Eu tenho uma outra opção. Podemos fazer este painel com desenhos que o catequizando fará da sua família.)

3) Árvore da Família de Abraão
Vamos falar como a família de Abraão cresceu depois que ele decidiu sair da sua terra para uma terra que Deus iria lhe mostrar.

Do que vamos precisar
Galhos de árvores,  vaso, areia, papéis, caneta.
Eu aproveitei um vaso com umas plantinhas e coloquei o galho no meio. Se não quiser montar com um galho de árvore, pode montar uma árvore artificial, de cartolina ou EVA.

Ir montando a árvore no encontro. Primeiro coloque o galho no vaso e dependure papéis com os nomes Abraão, Sara.




Ambientação do encontro
Preparar a mesa para colocar a Bíblia. Pode-se usar as cores do tempo litúrgico. Se preferir, monte um lugar para a Bíblia no chão da sala. Forre com um pano. Coloque a Bíblia e desenhos da família de Abraão e de outros símbolos que lembrem a  história dele. Eu confeccionei uma "mala" para lembrar das viagens que nosso patriarca realizou para chegar na terra prometida.





Deus cuida de ti.
Cris Menezes
Catequista
Brasília- DF
***


Inspirações: Atividade "Ver"- A mesa do pão-1, Iniciação a Eucaristia-I Leomar A. Brustolin, Paulinas

Dinâmica Painel de Fotos- Iniciação à vida cristã dos pequeninos, Erenice Jesus de Sousa

Árvore de Abraão- A mesa do pão- Iniciação a Eucaristia-I, Leomar A. Brustolin, Paulinas.





22 abril, 2017

Caixinha surpresa- Especial Dia das Mães




Lembrancinha especial







Vamos abrir a caixa?
















Como montar? 

Esta lembrancinha é mais elaborada. Talvez não dê certo para fazer em grande quantidade porque o custo dela é maior, pelo menos se vocês forem fazer com todos os itens que usei.  Mas podemos entregar esta lembrancinha para as catequistas que são mães ou  para  alguém da família.


O que colocar na caixinha?




Não estão na foto: O imã de geladeira com a imagem de Jesus e Maria e o sachê perfumado. 
Inclua mais o que você quiser!

Os adesivos, os vidrinhos e as imagens comprei na Livraria Católica Ave-Maria. As fitas comprei numa papelaria de scrapbook. Mas você acha em armarinho.








Se não tiver uma caixa de ovo, pode usar qualquer caixa.  Só encapar com um papel bem bonito estampado.






Com carinho,

Cris Menezes
Catequista
Brasília-DF

20 abril, 2017

Atividade para Pentecostes- Espírito Santo (Catavento)

Leitura Bíblica- Atos 2

50 dias depois da Páscoa comemoramos Pentecostes: a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos e Maria reunidos no Cenáculo. Depois de Pentecostes, os discípulos se encheram de coragem para continuar a missão de Jesus. Eles estavam com medo, trancados em si mesmos. Pentecostes é tão importante, que muitos estudiosos dizem que este dia marca o nascimento da Igreja. 

E para explicar Pentecostes, precisamos falar do Espírito Santo. E como falar do Espírito Santo para crianças de 9 anos?


Fale do amor entre Deus e Jesus. Um amor tão grande que transbordou. O Espírito Santo é o amor entre o Pai e o Filho. Depois que falarmos sobre o que o catecismo nos ensina, vamos confeccionar um catavento (ou o catequista pode já levá-lo pronto) e ir catar um ventinho na porta ou no pátio da Igreja.





Todos com seu catavento para cima vendo-o girar, rodopiar...






E o que faz o catavento girar? O vento, né? Mas nós vemos o vento? Como sabemos que é o vento?

Somos movidos pelo amor. Somos este catavento de papel, frágeis, movidos pela força do Espírito Santo.  Para concluir a atividade, cito a frase do filme Um amor para recordar: "O amor é como o vento. Não podemos ver, mas podemos sentir."  Substituam "amor" por "Espírito Santo".


Fiz estes com papel de scrapbook.





Uma atividade simples mas cheia de significado.



Como fazer um catavento?



Obrigada por acompanhar.
Cris Menezes
Catequista
Brasília-DF