Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (8) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (6) Crisma (1) Dia das Mães (5) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (4) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (4) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

05 julho, 2011

Formação para o catequista: Frutos da Comunhão (Eucaristia)

Ajuda para o catequista


 O Senhor Jesus nos convida à comunhão com Ele: "Em verdade, em verdade, vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem e não beberdes do seu sangue não tereis a vida em vós" (Jo 6, 53). Diante deste convite do Senhor, só podemos responder como aquele centurião que queria a cura do seu empregado, como fazemos em todas as missas: "Senhor, eu não sou digno de que entreis em minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo" (Rito da Missa, inspirado em Mt 8, 8). Pelo Sacramento da Eucaristia recebemos os frutos da comunhão que são:
1. O aumento da nossa união com Cristo- Como o alimento normal fortalece o corpo, o Pão Eucarístico nos dá uma graça invisível. Somos alimentados no espírito para vivermos como Jesus, renovando a graça que recebemos no batismo.
2. Viver separados/longe do pecado- A Eucaristia fortalece a vivência do amor, nos dá forças para lutarmos contra o mal e apaga os pecados veniais.
3. Participar da Igreja- A Eucaristia faz a Igreja. Somos chamados pelo batismo a sermos um só corpo. A Eucaristia nos dá esta graça da unidade (Cf CIC 1391-1401).
4. Estar em estado de graça- A Igreja nos pede que estejamos em estado de graça, que não tenhamos pecado gravemente. Por isso, a Igreja destaca a importância de participarmos do Sacramento da Reconciliação. No entanto é preciso compreender que o objetivo do Sacramento da Reconciliação não é para receber a Comunhão, mas sim a reconciliação com Deus, a acolhida do dom da misericórdia de Deus.

Para receber a Comunhão é preciso observar o que a Igreja nos pede:
Jejum de uma hora antes da comunhão- Lembrando que água e remédios não quebram o jejum.
Preparar o coração com piedade- É necessário estar envolvido pelo momento de Comunhão, silenciando para acolher o Cristo que vem fazer morada em nós.

Algo Mais: A Igreja nos orienta a : Participar da divina liturgia aos domingos, e nos dias festivos e receber a Eucaristia pelo menos uma vez ao ano, se possível no tempo pascal, preparados pelo sacramento da reconciliação. Mas recomenda vivamente aos fiéis que recebam a Santa Eucaristia nos domingos e dias festivos, ou ainda com maior frequência, e até todos os dias" (CIC 1389)

Fonte: Crescer em Comunhão- Livro do Catequista- Vol.3

2 comentários:

  1. Olá Cris! É isso que nos sustenta, parabéns pela postagem.
    Fique na PAZ,

    Reinaldo

    ResponderExcluir
  2. Oii Cris! Fiquei mto feliz em saber que vc vai participar do curso!!!
    Nem me fale em catequese 24h... Amiga, eu preciso fazer tantas coisas, trabalhar, estudar...e às vezes esqueço de tudo só por conta da catequese!kkkkkkk

    Estou ansiosa pela sua participação!

    Beijinhos,
    Layse

    ResponderExcluir