Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (8) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (6) Crisma (1) Dia das Mães (5) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (4) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (4) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

24 junho, 2013

Metodologia catequética: Ver-iluminar-agir-celebrar-rever


Ver: É olhar para a realidade nas suas dimensões social, econômica, política, cultural, religiosa, etc. É um aproximar-se da vida e das pessoas e perguntar-lhes sobre o que estão vendo pelo caminho (cf Lc 24). É questionar, provocar um olhar crítico. É deixar  o coração transbordar e ouvir com atenção. Várias dinâmicas e técnicas poderão ser usadas conforme a idade e a situação do grupo.

Iluminar: Confrontar a realidade com a Palavra de Deus, os ensinamentos do Magistério e da tradição da Igreja. Confrontar essa realidade com o projeto de Deus, para que possamos compreendê-la e agir sobre ela, para transformar tudo o que vai contra a vontade do Pai e fortalecer tudo o que colabora para a construção do Reino. É anúncio e denúncia, por isso, carrega em si uma dimensão profética. Isto exige do catequista estar bem preparado(a) e buscar uma linguagem possível de ser compreendida pelo grupo de catequizandos(considerar a idade, a maturidade, a participação na vida da Igreja etc).

Celebrar: É rezar a vida e a fé com orações, símbolos, músicas, gestos. Pode estar presente em qualquer momento, alimentando a fé e permitindo nossa comunicação com Deus. É importante criar um clima orante, pois a catequese também é escola de oração, ajudando os catequizandos a conhecem os diversos modos de rezar da Igreja: Ofício Divino, Leitura Orante, diversas orações (principalmente o Pai-nosso, a Ave-Maria, o Credo), a leitura dos salmos, e tantas outras maneiras de rezar.

Rever: É o processo constante, que ajuda a verificar se a catequese está alcançando para rever seus objetivos: rever o processo e não as pessoas. Rever para crescer, melhorar, amadurecer, mudar, e não para desestimular e tirar a esperança. Rever a caminhada dos catequizandos e dos catequistas, assim como cada encontro e todo o ciclo catequético.


O método ver-iluminar-agir-celebrar-rever:

-deve ser testemunhado pela vida do catequista;
-tem o objetivo de educar na ação;
-desperta atitudes cristãs num processo de ação-reflexão;
-exige vivência comunitária e equipes de trabalho.


Fonte: Livro do Catequista, Irmã Mary Donzellini, Editora Paulus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário