Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (8) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (6) Crisma (1) Dia das Mães (5) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (4) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (4) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

20 fevereiro, 2016

Catequese com Adultos- Começando...


Para início de conversa, trechos do livro Seguir o mestre (Livro 1, Editora Paulinas), do Antônio Francisco Blankendaal.
Google


A maturidade da fé, objetivo da catequese, concretiza-se com adultos-discípulos que se põem no seguimento do Mestre, aptos para viver os valores do Evangelho em um continuado exercício de discernir os sinais do Reino na turbulência da cidade, no bombardeio dos meios de comunicação.

Finalidade da Iniciação à vida cristã: alcançar a maturidade em Cristo (cf Ef 4,13), isto é, formar a identidade cristã.  Só depois de uma catequese adequada e da celebração dos três sacramentos poderemos dizer que a iniciação cristã está completa.


Falar com adultos

A catequese com adultos assume algumas características próprias da idade adulta: protagonismo que faz o adulto sujeito de sua educação.

-O catecumenato com jovens e adultos é o lugar da interação da vida de cada um com seus projetos, sonhos e desilusões com a pessoa de Jesus manifestada no contato direto e testemunhal da comunidade de fé.

-Vamos percebendo que só é possível uma catequese dialogal que valoriza as experiências de vida e a troca de saberes. Não há postura de professor e aluno, mas sim de irmão e amigo que quer ser companheiro facilitador e animador para suscitar uma fé refletida e pensada comunitariamente e que seja mais consoante ao coração de Cristo.

-O Catequista, irmão mais experiente na fé e no contato com a Palavra e os sacramentos, questiona, orienta e testemunha em primeiro lugar os ensinamentos e a prática da fé.

-Que os adultos "não sejam considerados simples destinatários, mas interlocutores de nossa proposta de fé. É uma catequese feita de partilha de saberes, experiências e iniciativa, em que ambos os lados criam laços (catequistas e catequizandos), buscam, ensinam, aprendem e vivenciam a vida cristã (Diretório nacional da Catequese).

-O catequista deve superar a mentalidade de uma catequese aula, que se assemelha à escola, à aula de religião. Se o catequista reproduz, em sua catequese, os modelos de uma educação escolar, ele não faz verdadeira catequese.

-A grande missão do catequista é a de preparar seus catequizandos para viver como Igreja. Deve despertar para um engajamento e um protagonismo verdadeiro em todos os âmbitos da vivência social, seja política, seja sindical, seja cultural etc.., onde o critério de discernimento e de vivência dessas dimensões seja a fé e a vida em Cristo Jesus.

Uma catequese verdadeiramente adulta parte da própria situação religiosa dos catequizandos, para um progressivo caminho de fé: sua história pessoal de busca de Deus, suas experiências anteriores com a catequese ou com o Evangelho, sua visão de mundo, seu maior ou menor contato anterior com a Igreja. (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil)


2 comentários:

  1. Oi Cris! Catequese de adultos não deve ser fácil para o catequista... com crianças, tudo é novidade e lúdico. Com adultos, é preciso partir para um debate e modificar algumas idéias pre concebidas não deve ser fácil... Para catequizar adultos o catequista precisa estar muito bem preparado e ter grande experiência de vida cristã!Bjks e uma semana repleta de bençãos. Tetê

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo! É um desafio. Estou amando a catequese com adultos! :)

    ResponderExcluir