Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (8) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (6) Crisma (1) Dia das Mães (5) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (4) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (4) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

12 junho, 2016

O amor romântico e os sonhos de uma mulher





O amor romântico e os sonhos de uma mulher
Por Cris Menezes


"São tantos os sonhos que povoam o coração de uma mulher", diz a cantora Ziza Fernandes. Fico pensando nos meus milhares de sonhos, todos eu já coloquei no coração de Deus. Eu cresci numa época que os contos de fadas eram as histórias que se contavam para as meninas. Eu cresci acreditando em Príncipe Encantado e no amor romântico que iria enfim me fazer feliz para sempre. Deus precisou me curar muito para que eu  reaprendesse a sonhar depois de ter desconstruído, por meio de muitas leituras, a história do amor romântico.

Antigamente, as pessoas não se casavam por amor. O amor romântico, dentro do casamento, é muito recente na história da nossa sociedade, as pessoas casavam por interesse, para procriar, criar uma descendência. O papel da mulher nessa sociedade antiga era apenas de ter filhos que eram criados pelas amas de leite. Mulheres não podiam nem sonhar naquela época.  Lembra das histórias de casamentos arranjados, dos dotes? Hoje, na sociedade ocidental pelo menos, nenhuma mulher é obrigada a se casar, não é verdade? Pode escolher seu parceiro de uma vida, é livre para poder amar. Mas ainda não conquistamos a liberdade verdadeira. Estamos ainda presas em idealizações, em amores doentios, paixões que nos tiram do rumo. Muitas mulheres são roubadas na sua subjetividade, deixam de ser quem são, para manter um namoro, para não perder, para não ficarem sozinhas.

O amor romântico é uma construção social. É preciso diferenciar "amor" de "amor romântico". São duas realidades distintas. Amor é decisão, amor romântico é idealização. A busca deste homem ideal, perfeito e que vai nos completar pode gerar muito sofrimento e frustração.  Precisamos reaprender a olhar para o amor com menos idealizações e aceitar que ninguém é perfeito.  É preciso ter paciência para construir um relacionamento a dois.  É preciso ter diálogo, ser verdadeiro ao falar, ser compreensivo. Acredito que o maior vilão dos relacionamentos é a tal da expectativa. Quando o outro não age como nós queremos que agisse, nos enchemos de frustração. Percebe que é bem mais fácil nos decepcionarmos quando criamos expectativas? Daí é um pulo para acharmos que o outro não nos ama mais.

Hoje, neste dia dos namorados, eu queria falar em especial para você, mulher: Ame a si mesma antes de amar alguém, cuide para que o outro não te roube de si mesma nem da sua família nem dos seus amigos. Não se contente com migalhas de amor. Para as mulheres bem sucedidas no trabalho e que não casaram mas que tem o sonho de casar: algumas pessoas podem tentar te conformar dizendo que ninguém pode ter tudo na vida, como se você não precisasse ser feliz no amor porque já está feliz no trabalho, por exemplo. Deus não faz barganhas com nossos sonhos. Quando nos promete uma família, não está querendo pegar algo em troca para conceder a família.  Toda mulher merece ser amada. Esquece aquele ditado "Sorte no jogo, azar no amor." 

Um sou uma mulher que sonha, que chora, que sorri, mas principalmente eu sou uma mulher que sonha, Hoje eu aprendi a sonhar com a bíblia nas mãos Já me arrisquei muito sonhando. Hoje eu aprendi, com o testemunho da Ziza Fernandes, a sonhar com Deus, ela diz que "É seguro sonhar com Deus." Foi numa pregação da Ziza sobre os sonhos de uma mulher que aprendi em Habacuc 2  a escrever meus sonhos de mulher. Fico pensando... eu que já gosto tanto de escrever, como será escrever meus sonhos? Fico pensando aqui o quanto é importante escrever sobre nossos sonhos, sabe por quê?  Para não os perdê-los de vista, para não esquecer que Deus não esquece dos nossos sonhos. Há uma passagem bíblica que diz assim: Deus recolhe as nossas lágrimas e guarda. Eu vou além, por minha conta: Deus vê os nossos sonhos de mulher, de amor, de sermos amadas, de casarmos, de termos filhos, de termos uma profissão, um emprego, de fazermos uma faculdade...ele guarda tudo em seu coração. E estando no coração de Deus, está em bom lugar. Espera.


Obrigada. Deus ama você.
Blog Catequizando feliz


Referências 

Quando escrevemos, ativamos nossa biblioteca interior, os livros que lemos, os vídeos que assistimos, as músicas que ouvimos. Eis meu repertório que me inspirou a escrever este texto.



Vídeos

O vídeo da Ziza Fernandes "Os sonhos e planos de Deus para uma mulher" me fez pensar e chorar e sonhar.
Música Tempo de Vitória, DVD Segredos- Ziza Fernandes

Livros
Quem me roubou de mim? Padre Fábio de Melo
Amor- Regina Navarro Lins
Não basta amar para ser feliz no casamento, Padre João


Bíblia
Registra, tu mesmo, o meu lamento;
recolhe as minhas lágrimas em teu odre;
acaso não estão anotadas em teu livro? 
Salmos 56:8


2  Entäo o SENHOR me respondeu, e disse: Escreve a visäo e torna bem legível sobre tábuas, para que a possa ler quem passa correndo.
3  Porque a visäo é ainda para o tempo determinado, mas se apressa para o fim, e näo enganará; se tardar, espera-o, porque certamente virá, näo tardará.
Habacuc 2


Nenhum comentário:

Postar um comentário