Categorias

Abraão (4) Acolhida (2) Advento (1) Aliança-Pacto de amizade (1) Ambientação (2) Amizade (1) Ano Liturgico (1) Ano Litúrgico (1) Apóstolos (3) Arte na catequese (10) Artesanato criativo (5) As maravilhas de Deus (1) Atividades (8) Avaliação na Catequese (2) Batismo (3) Bíblia (8) Brincadeiras (1) Caça ao Tesouro (2) Campanha da Fraternidade 2017 (2) Cantinho da Oração (1) Catavento (1) Catequese com adultos (8) Catequese com crianças (28) Catequese com os pais (2) Catequese de Crisma (6) Catequese de Perseverança (1) Catequese em ação (1) catequistas (1) Como preparar encontro de catequese (2) Confissão (1) Coordenação (1) Coroa do Advento (1) Correio de Maria (6) Crisma (1) Dia das Mães (5) Dia do Catequista (1) Dinâmicas (60) Dinâmicas de Oração (6) Dinâmicas de Revisão (1) Espírito Santo (4) Eucaristia (10) Evangelho (5) Família (2) Felicidade (2) Formações (32) Gincana (1) Histórias na Catequese (2) Igreja (1) Jesus chama seus colaboradores (1) Jesus convida os apóstolos (1) Jesus inicia sua missão (1) João Batista (2) Juízes (1) Leitura Orante (6) Lembrancinha da Páscoa (6) Lembrancinha para as mães (4) Lembrancinhas (5) Mandamentos (1) Maquete (1) Matrimônio (1) Meio Ambiente (1) Metodologia catequética (24) Moisés (1) Nascimento de Jesus (2) Natal (2) Nossa Senhora (4) O nascimento de Jesus (1) O Perfil do Catequista (10) O programa de Jesus (1) O tempo dos Reis (2) Oração (2) Pai- Nosso (2) Papo de catequista (13) Parábola do semeador (2) Páscoa (6) Pecado (2) Pentecostes (1) Planejamento (3) Planejamento de Encontros (24) Profetas (1) Quem é Jesus? (4) Quem eu sou? (1) Rádio Catequese (4) Rei Davi (1) Reunião de pais (1) Revisão (5) Roteiro de visitas às famílias dos catequizandos (1) Sacramento da Crisma (1) Sacramento da Reconciliação (1) Sacramentos (6) Sagrada Família (2) Santíssima Trindade (1) Semana Santa (3) Somos filhos de Deus (2) Teatro (2) Textos de Apoio (1) Unção dos Enfermos (1) Ver-julgar-agir (1) Vlog (1)

O que é preciso para ser catequista?

O que é preciso para ser catequista? 
Por Cris Menezes


Este texto eu escrevi para os catequistas novatos e para os antigos como eu.
                                                                                                                    

Bom, para ser catequista tem que ter  fé em Cristo ressuscitado. Tem que ser crismado, não é verdade? Mas isso não é suficiente.  É necessário ter boa vontade. Não. Mais que isso.  Para ser catequista, você deve ter um bom coração, muita determinação, ser crítico, ter a mente aberta, ser predisposto à alegria. (Não estou falando que catequista não pode ficar triste.  As tristezas vão sempre existir, faz parte da vida. Enfrente-as com coragem.) O catequista é portador da boa nova. E é com alegria que precisa anunciar: Cristo vive! 

Catequista precisa ser gentil, flexível, acolhedor. Mas há de ter firmeza. Catequista é um especialista em amar, é emoção, mas é razão também.  É preciso ter ideias, opiniões, ser crítico e se posicionar do lado dos mais fracos e dos injustiçados. Não vale fingir que não é com você. Se é com o próximo que não tem condições de se defender ou está sofrendo  injustiça ou violência, é com você também.  

Para ser catequista, você precisa  ter empatia, se colocar no lugar dos outros, falar com calma e ouvir com atenção. Ma há que  corrigir quando for preciso, há que ensinar o outro quando ele desandar,  há que não desistir das pessoas. Catequista precisa  preocupar-se com sua formação contínua: ler e estudar a bíblia, rezar o catecismo, entender de pedagogia catequética, do método ver-julgar-agir-celebrar-rever, do RICA, dos documentos da Igreja. Mas há também que saber de cor as lições da paciência, da amizade, da fé, da perseverança.

 É desejável não ter medo de inovar, de mudar.  Há que ter disposição para caminhar, não só de casa para Igreja e da Igreja para casa; a caminhada é mais longa, tem flores pelo caminho? Sim. Tem espinho? Também. E pedras? Muitas... Mas a boa notícia de hoje é que você não estará sozinho. Tem uma comunidade toda com você, muitos catequizandos, seu pároco, a coordenação da catequese, ah, e você terá um outro catequista para te acompanhar na sala de catequese. Eu também estou aqui para te oferecer meu abraço virtual e minhas mãos em oração por sua catequese. Vamos juntos? 

    

                                

Nenhum comentário:

Postar um comentário